• Viajando e levando conhecimento para o BRASIL E O mundo
11 Jan
Inverno, Neve, Turismo e Viagem

RELATO 7 – Um sábado em Moscou, Rússia

Olha, hoje foram abertas as porteiras dos turistas. Eu nunca vi tanto viajante num mesmo lugar como aqui na Praça Vermelha. Mas eram muitos mesmo, de verdade! Eu achava que quase ninguém vinha pra cá a passeio, mas já retiro desde já esse meu “achismo”, porque ele não cola. Mesmo o frio de -6°C (com uma neve fraca constante) não afastou a galera. Tava bonito de ver!

Eu fiquei um tempo lá pela manhã e depois fui fazer um rolê que poucos turistas fazem por aqui: conhecer a Moscou moderna, chamada de Moscow City, um Centro Internacional de Negócios que fica a apenas uns 15 minutos de distância do centro (de metrô). Quando desci na estação Vystavochnaya (linha 4), já notei algo diferente: nada histórico ou de arquitetura mais clássica como nas outras estações daqui, mas sim um verdadeiro shopping subterrâneo, com várias lojas e cafeterias. E um labirinto com saídas pra tudo quanto é lado, que terminam em shoppings e mais lojas. Confesso que fiquei meio perdido.

Quando finalmente achei a saída pra calçada, eu não sabia dizer se ainda estava em Moscou ou se tinha chegado em Dubai.

Pense em uns edifícios gigantes, mas gigantes mesmo! Alguns não dava pra ver o topo por causa da neblina no alto. E quem é fã de arquitetura moderna vai pirar com um dos prédios que tem forma de espiral. A ilusão de ótica causa uma sensação de que ele está tombando! Fiz uma live no Instagram por ali pra passar um pouco da emoção, mas só vendo de perto mesmo pra entender a dimensão e também o contraste com a parte mais antiga da cidade. Lembra muito a estrutura da Paris moderna na região de La Défense. Recomendo demais esse pulo em Moscow City pra quem estiver visitando a cidade.

De volta pro centro, resolvi passar o sabadão ali com os turistas mesmo. O clima na Praça Vermelha era de festa, e pra quem passou dias sozinho lá em Murmansk na semana passada, ficar perto de gente era o que eu mais queria hoje! Tinha até noiva fazendo sessão de fotos hoje em frente à Catedral de São Basílio! O amor estava no ar hoje, literalmente, aqui em Moscou.

E uma das coisas mais bonitas que parei pra observar com mais atenção durante esse sabadão: os enfeites de natal. Cara, eles são realmente lindos, e quando escureceu, nevou bastante no meio daquelas luzes todas. Galera ficou em êxtase! Eu também. Fiz registros bem bacanas dessa atmosfera de Natal em Moscou. A beleza e a magia dessa época do ano por aqui merece um destaque especial. Sério!

E acho que me distraí tanto com tanta descoberta nessa viagem que agora que a ficha caiu: amanhã já é dia de se despedir da Rússia. Então, bora aproveitar a última noite de gelo por aqui pois, pelo que tô sabendo, a última coisa que vou sentir assim que eu pousar no Brasil é frio!

>> E para ler os outros relatos do #CrisnaEstrada na Rússia, basta clicar nos links abaixo:

Relato 1 – Voo para São Petersburgo

Relato 2 – Chegando no Polo Norte

Relato 3 – 1° dia em Murmansk, Rússia

Relato 4 – A primeira aurora boreal a gente nunca esquece

Relato 5 – 2° e 3° dia em Murmansk, Rússia

Relato 6 – Chegando em Moscou, Rússia

Relato 8 – Tchau, Rússia

Acompanhe também todos os registros do projeto #CrisnaEstrada via Instagram!

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

SOBRE O
PROJETO

“Um professor itinerante que tem um prazer enorme em compartilhar conhecimento pelo Brasil e mundo”. Esse é o projeto #CrisnaEstrada, e nesse espaço você encontrará, a partir de agora, um pouco dos bastidores dessas viagens que faço a trabalho e/ou a passeio. Trarei dicas, curiosidades e histórias dos mais variados destinos. O mundo visto por um palestrante, professor e turista que ama viajar. Enjoy!

#CRISNA
ESTRADA Diretamente do Instagram